segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Road-Trip: A viagem de tudo ao lado

Como vos disse há uns dias, antes de ter sido banido do mundo da internet, tinha uma viagem marcada entre Alger e Tlemcen. Eram aproximadamente 600 km, em que contava vir à pendura, ir parando onde fosse interessante e tirar umas fotos, e dar de caras a cada curva com a imbecilidade argelina na condução.

Pois! Nada disso! Tudo ao lado;

Mal cheguei à sede em Argel, logo me disseram: "Aquela é a tua!", enquanto apontavam para uma pick-up Nissan, com um aspecto bem desconfortável, mesmo à distância.

"Mas é mesmo a minha? Tipo, para mim? Para eu usar?"

"Ah! Não! É mesmo só para a levares até Tlemcen"

Uau, para não dizer algo parecido com o nome do blog, mas começado com a letra F.

A viagem ia ser feita com outro Português, que ao longo da viagem me apercebi, que já conduz como um animal, e que a ideia de condução em grupo é começar a acelerar feito parvo, num carro que anda o dobro do meu.

Isto tudo, por que ele supostamente sabia o caminho...supostamente, mais nada que isso...

Interessante desta viagem, é que assim que se entra pelo interior da Argélia, as placas deixam de ter a parte em Francês, o que aliado à sinalização escassa, falta de mapas, já para nem falar de um GPS (aqui o Tom-Tom é arma de guerra, mesmo tendo este nome meio infantil), tornou a viagem bem mais emocionante, principalmente por termos feito a parte final à noite...

Nota também, para os excelentes "talk-shows" das rádios argelinas; pelo menos deu para sentir um gosto da civilização quando andámos perto da costa, e as rádios espanholas se sobrepunham aos salamaleques radiofónicos locais...sentia-me mais perto de casa, pelo menos era uma língua que dava para entender.

Fotos nem uma, pois estive sempre mais preocupado em não ter um acidente, mas com muita pena minha, pois cada vez mais me convenço que isto era um país fenomenal, se não houvesse tanto argelino.

Na zona de Mostaganem, está assinalado o meridiano de Greenwich, e ali com o mar tão perto, senti-me mais perto da civilização; aliás, acho que este lado de cá é bem mais normal que o de lá...nem quero imaginar para baixo do equador.

E pronto, cá estou desterrado para os lados de Marrocos a fazer gasodutos...

O Ricardão

O Ricardão é uma criatura que todos nós (homens expatriados com mulheres em Portugal) abominamos;

O Ricardão é uma espécie de monstro que se esconde nos armários das nossas casas, que espera só o bater da porta, para sair e se apoderar das nossas coisas, desde a cama ao par de cuecas melhorzinhas que não vem para a Argélia com medo de se perder...

O Ricardão quando ataca, deixa sempre a sua marca: há os que defendem que lavadinha e a cheirar bem, está como nova e pouco se importam (normalmente são os que têm as Ricardinas por cá), e os outros que não caem em si...

O Ricardão voltou a atacar, e fez mais uma vítima...

Por causa de um Ricardão, parece-me que vou ter de refazer as malas, e mudar de sítio (mais uma vez) para substituir um colega, que é um dos segundos que falei em cima.

Força rapaz, dá cabo do Ricardão e volta depressa ;)

Aleluia!!!

Ou "hamdulilá", como se diz por estas bandas.

Finalmente tenho acesso à net!

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Road-Trip

Há telefonemas que não se deviam atender...como o que recebi há pouco!

Nada mais, nada menos que a excelente (not) notícia que me aguarda uma bela viagem de 600 km pela Argélia, de carro... O roteiro turístico vai ser Argel-Tlemcen.

Adivinham-se fotos, e alguns sustos, pois estes tipos são um bocado para o selvagens a conduzir...

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Tatuagens

Eu fiz a minha...




E a madame pequena também quis uma...



Eu estrago a minha filha com mimos...

sábado, 15 de agosto de 2009

Pérolas da Argélia: AFC

Engane-se quem pensa que são só os chineses que copiam tudo o que mexe; os argelinos estão no bom caminho!

A foto não está grande coisa, e para quem não vir bem, o restaurante chama-se AFC, que são as siglas de Algerian Fried Chicken...

Deve ser por comer nestes sítios que tenho ando em estado líquido nestes dias...

Nada a declarar...


Ainda não foi desta que contrabandeei a minha pequena para o fim do mundo...

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Imodium Rules!!!


"Imodium Rapid pode parar a diarreia antes que a diarreia nos pare a nós"

"Imodium Rapid, porque a diarreia aparece sempre nas piores alturas"

São, provavelmente os dois piores slogans da história da publicidade na tv, sobretudo por passarem quase sempre à hora das refeições, mas isto funciona mesmo.

Há quase 4 dias que o meu desporto diário, que tenho praticado aí umas 30 vezes ao dia, tem sido os "100 metros até à sanita", penso até que já me posso chamar o Obikwelu das retretes, tal tem sido o meu afinco nos treinos.

A brilhante ideia de comer e beber nos mesmos sítios dos argelinos, deu nisto; a minha primeira doença africana, e logo aquela que é mais nojenta de descrever: a diarreia!

Tal como o primeiro beijo, o nascimento de um filho, ou o concretizar de outro sonho qualquer a primeira diarreia de África é algo que marca um homem para a vida!

Já me tinham dito, que este medicamento era obrigatório no kit de sobrevivência de quem anda nestas paragens, mas agora ( e da pior maneira possível) descobri a sua verdadeira utilidade: além do incómodo que causa a nível físico, há ainda outro grande transtorno a nível psíquico: fazer as necessidades nº1 e nº2, com a mesma consistência é algo para o qual nenhum ser humano normal está preparado...mas lá está, como estou na Argélia, onde nada é normal, depreendo que deve estar tudo bem...

Desculpa a todos pelo post de m#$%a...

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

O Cigano

Como já disse, estou de volta ao traseiro do mundo; desta vez, vinha com esperanças que durante os dias que estive fora, que este país ficasse um pouco mais normal, mas para não variar, enganei-me e está na mesma...

Posto isto, tinha a minha vida planeada para me fixar num sítio, e claro que já se está a ver, que vai sair tudo ao contrário... só falta saber mesmo para onde vou ser desterrado agora.

Já começa a chatear um bocado andar sempre a empacotar e desempacotar a roupa...

terça-feira, 11 de agosto de 2009

De volta...

... ao cú do mundo!

Cá estou eu de novo, para mais uns tempos (mais precisamente 23 de Dezembro, arghhh) que se avizinham tão agradáveis como os que por cá já passei.

F___-se...

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Estou fecundado...


Ainda não mudei de sexo, muito menos sou um chinês "transgénico", mas as férias já renderam...e de que maneira: a dona tá de esperanças!!!

Na foto em cima pode-se ver a primeira foto da minha filha (sim, sou um gajo cheio de confiança e sei que fiz uma menina).

Resta-me dizer que estou quase nas nuvens, só a porra do dia 10 (regresso aos cús do mundo) é que me vai prendendo pela terra...