quinta-feira, 26 de maio de 2011

(Something) In the air tonight



Um dos meus melhores amigos na Argélia, é o meu modulador FM. É com ele que consigo evitar as rádios argelinas, e ouvir música decente enquanto conduzo.

O trajecto de casa-trabalho hoje de manhã foi especialmente doloroso: para além do tráfico normal da quinta-feira (mais carros=mais selvagens na estrada), o meu modulador parecia ter dado o berro mestre... Isto é normal, e mais ou menos todos os meses tenho de comprar um novo, dado que é do padrão normal das coisas que vêm da China! Pensei que ia ter de sair mais cedo, e dar-lhe um funeral condigno como é normal: dar-lhe umas pézadas valentes e dizer um rol de asneiras!

Entretanto tive de sair, para justificar o meu salário, e continuei a minha busca por uma frequência onde o zingarelho funcionasse, mas sem sucesso. Numa das frequências, apanhei uma música de Coldplay; não é muito da minha praia, mas sempre se consegue ouvir sem furar os tímpanos como a música argelina faz. No final da música a surpresa: "Rádio Comercial: 3 seguidas sem parar!". A minha primeira reacção foi de espanto; depois veio a mente perversa e reparei bem na frase... "3 seguidas sem parar"... yeah right, como se tivesses 22 anos :)

Para quem não vive num país como este, não consegue entender a alegria de ouvir a nossa língua na rádio: pode-se ouvir música portuguesa, mas não é a mesma coisa que ouvir uma voz, que nós sabemos que está lá do outro lado... É esquisito de explicar, mas sabe bem ;)

Depois, e aproveitando o transito parado, decidi fazer mais um scan, e eis que me deparo com a Rádio Renascença, e outras estações espanholas, italianas e uma grega :) Aí sim, vi a luz! Consegui decifrar a big picture por detrás disto tudo: Rádio Renascença + Missa na rádio + ouvir-se na Argélia = Cruzadas v2.0!!!

Vamos voltar para evangelizar este povo, e acabar o trabalho que o Afonso começou depois de bater na mãe.

Secretamente Portugal, e alguns dos restantes países da UE que estão a passar um mau bocado, vão invadir a Argélia, e de futuro todo o Magrebe, e vão transformar esta zona num paraíso fiscal com casinos e casas de moças que se despem; uma espécie de Las Vegas da Europa, que por acaso sempre foi o meu sonho de empreendedorismo para este país!

Esta operação já decorre há algum tempo; a parte de reconhecimento das linhas inimigas veio disfarçada como obras. Agora começa a 2ª fase, que é a propaganda subversiva através da rádio. A 3ª fase ainda não estou ao corrente, mas de certeza que envolve submarinos...

(a música esteve para ser a dos assobios dos Scorpions, mas já me basta de má música nestes últimos dias: tenho o "Hello" do Lionel Richie na cabeça desde ontem)

2 comentários:

Inia disse...

Acerca desta tua frase: "para além do tráfico normal da quinta-feira (mais carros=mais selvagens na estrada), o meu modulador parecia ter dado o berro mestre..." achei inicialmente que te tivesses enganado e que quisesses ter dito "tráfego normal de quinta-feira", mas depois de ler o teu artigo na íntegra parece-me que não te enganaste mesmo.. ;) Beijinhos.

DYON NUNES disse...

I'm brazilian, and like to visit blogs by around world.
Gostei dessa parada de trânsito; aqui no Brasil até parece ser bem pior...